Blog Details Title

As sete dores do crédito empresarial

Em alguns de meus últimos artigos, venho ressaltando o protagonismo que o crédito pode desempenhar na realidade das empresas quando utilizado de modo estratégico, com planejamento e tendo como base metodologias assertivas que poderão garantir melhores condições na obtenção de empréstimos junto aos bancos em termos de prazos, taxas e condições de pagamento.

Toda esta filosofia que encara o crédito como uma ferramenta de inteligência para os projetos de um negócio forma a base da profissão de especialista em crédito empresarial que desenhamos aqui na Loara e que, em conjunto com outras transformações do sistema financeiro, tem revolucionado o ambiente de negócios e a geração de oportunidades neste segmento.

Justamente por isso, reforço sempre para as empresas que, assim como muitas delas já investem na terceirização e buscam por apoio especializado em áreas como recursos humanos, direito, gestão contábil e tributária, consultoria financeira ou mesmo em ações customizadas da área de marketing; é fundamental que se construa uma cultura de crédito nas organizações, por meio do apoio de especialistas que podem, literalmente, identificar oportunidades de modo recorrente e permitir que o uso desse recurso não seja tomado como uma “medida desesperada” – fator que só irá reduzir as possibilidades de sucesso na busca pelo crédito e pode até comprometer o equilíbrio financeiro de uma organização.

As dores do crédito

A cultura do crédito fundamentada na figura do especialista em crédito empresarial fomenta, sobretudo, a superação das “dores do crédito” de um negócio.

E o que seriam estas dores? De modo bastante sucinto, são as barreiras que impossibilitam ou dificultam a conquista de condições de negociação que façam jus ao perfil financeiro de uma organização.

E isso ocorre porque, basicamente, ao reduzir o escopo ou não conhecer o perfil das diferentes instituições bancárias, o empreendedor acaba buscando crédito em agentes – geralmente, o seu próprio banco – que não oferecem as melhores condições para a realidade de sua empresa, caindo no alçapão de uma das “dores do crédito”, que podem ser, dentre outras:

01.  As altas taxas que reduzem o poder de pagamento da empresa;

02.  O excesso de garantias não condizentes com a realidade daquele negócio;

03.  A falta de relacionamento com aquela determinada instituição bancária;

04.  A falta de conhecimento dos critérios de pontuação daquele banco que minam o score de crédito da empresa;

05.  As parcelas altas que, novamente, comprometem o poder de pagamento da empresa;

06.  Prazos pouco flexíveis, muito curtos ou não adequados para aquela companhia;

07.  O imediatismo e a falta de planejamento na busca por capital de giro novo podem minar a saúde financeira e as possibilidades de acordos vantajosos para o empreendedor.

Impulsionando sonhos

É aqui que entra o especialista em crédito empresarial, que, por meio de um amplo conhecimento no perfil de diferentes instituições bancárias, contribui para que a empresa tenha à disposição crédito adequado às suas necessidades – uma vez que, como vimos, as melhores condições nem sempre estarão nos bancos com os quais a empresa trabalha.

Neste sentido, ter um profissional que realmente conheça mercado de crédito; que saiba procurar as melhores alternativas de taxas, prazos e garantias; e que conheça as diferenças e peculiaridades de diversos bancos é um diferencial que pode levar a sua empresa a outro patamar na viabilização de projetos, fortalecimento do contexto financeiro de seu negócio e, sobretudo, na construção dos sonhos que movem o ambiente empreendedor!

  • Related Tags: